ordem de cristo

II International Conference Confirmed for October 2020

Posted on Updated on

In a meeting in Almourol / Vila Nova da Barquinha this week, the local municipality confirmed the final dates for the II Conference “Order of the Temple – Spiritual Chivalry and Templarism”. Taking place at the Templar Interpretation Center (CITA) in Almourol , Portugal, the International Conference follows the groundbreaking event that joined together in Barquinha experts from all over the world and different branches of the Order in October 2019.

The current COVID19 pandemic has severely disrupted traveling plans and large events. Because of that, it was decided that the Conference will have an opening session on October 13 for a limited number of invited guests, when a new exhibition will be inaugurated in the Interpretation Center, followed the 17 and 18 of October by a mixed online and live event from the auditorium in Barquinha, Portugal.

The full Program will be available soon. If you are interested in attending online (free), please send us an email to conference@templarcorps.org or stay in touch with these pages.

Castro Marim – Comemoração dos 700 anos da fundação da Ordem de Cristo

Posted on

Comemorar os 700 anos da Ordem de Cristo é uma alegria sem medida. Não é relembrar um momento no passado, é antes reafirmar um propósito e uma esperança no futuro.

Quero assim agradecer em meu nome, em nome da Ordem Soberana e Militar do Templo de Jerusalém Universal, como seu Chanceler internacional e Prior em Portugal, o convite da Câmara Municipal de Castro Marim – a que respondemos com entusiasmo – bem como a presença e colaboração dos muitos amigos, Irmãs e Irmãs e simples turistas que passavam e vieram saber de que tratava a agitação.

Gostaria de destacar, pelo conteúdo e qualidade, a intervenção do principal autor Português na temática Templária e da Portuguesia, Manuel J. Gandra, que destacou algumas das passagens mais reveladoras e até intrigantes da Bula de criação da Ordem de Cristo, em que se deixa clara a continuidade da do Templo, assunto sobre o qual muitos escrevem, mas poucos de facto concretizam.

Destaco igualmente o apoio permanente e verdadeira militância espiritual das Comendas do nosso Priorado e dos seus membros individualmente, que se viram desta vez apoiados pela visita de Irmãos e Irmãs de outros ramos da Ordem, quer do Algarve, quer mesmo de Espanha, num exemplo de cooperação e convívio fraternal até há pouco tempo inaudito, numa época em que tão facilmente caímos no erro de dividir o mundo em “nós” e “eles”. A todos o nosso agradecimento e aos visitantes, a certeza de que este foi o início de muitos projectos em que com eles contamos.

Sublinho o desempenho exemplar do nosso corpo litúrgico, liderado pelo Comendador de Lisboa e Bispo da Old Templar Church, apoiado nesta ocasião pelo Comendador de Laccobriga, pelos Grandes Oficias Preceptor e Hospitaleiro e demais Irmãos e Irmãs, que ficarão anónimos. Sabemos quem são, sentimos no profundo do coração o efeito do vosso trabalho.

Finalmente, terminando como comecei, sabendo bem o que custa organizar, gerir e montar um evento desta natureza num dos lugares maiores da nossa história, destaco o profissionalismo, o carinho e a paciência como a Câmara Municipal de Castro Marim nos recebeu, Agradeço ao Presidente Francisco Amaral, à sua Vice-Presidente Filomena Pascoal Sintra pela insuperável simpatia e atenção bem como a toda a equipa camarária, cujo esforço e dedicação não passou despercebido. Bem hajam.

Para o ano há que reavivar a memória. Castro Marim e a Ordem de Cristo são património de todos nós, todo o ano, Há que não o esquecer. Possamos ser dignos de tal herança.

Luis de Matos
Prior Geral
osmthu.org

Aula Livre – Visita ao Palácio da Pena em Sintra

Posted on Updated on

pena2015 O Palácio da Pena ergue-se sobre uma rocha escarpada, que é o segundo ponto mais alto da Serra de Sintra. Localiza-se na zona oriental do Parque da Pena, que é necessário percorrer para se chegar à íngreme rampa que o Barão de Eschwege construiu para se aceder à edificação acastelada. O Palácio propriamente dito é constituído por duas alas: o antigo convento manuelino da Ordem de São Jerónimo e a ala edificada no século XIX por D. Fernando II. Estas alas estão rodeadas por uma terceira estrutura arquitetónica, em que se fantasia um imaginário castelo de caminhos de ronda com merlões e ameias, torres de vigia, um túnel de acesso e até uma ponte levadiça.

Em 1838 o rei D. Fernando II adquiriu o antigo convento de monges Jerónimos de Nossa Senhora da Pena, que tinha sido erguido no topo da Serra de Sintra em 1511 pelo rei D. Manuel I e se encontrava devoluto desde 1834 com a extinção das ordens religiosas. O convento compunha-se do claustro e dependências, da capela, sacristia e torre sineira, que constituem hoje o núcleo norte do Palácio da Pena, ou Palácio Velho.

É um dos mais importantes legados do Portugal simbólico. A propósito do antigo Mosteiro da Pena, do Rei Artista D. Fernando II e da recriação arquitectónica e paisagística da mítica Ilha Secreta dos heróis e da Floresta que cerca o Castelo Inacessível do Santo Graal, iremos conhecer melhor mitos e lendas que enquadram o programa simbólico e o lançam, com força e vigor, em direcção ao futuro. Ao Portugal que falta cumprir, nas palavras de Fernando Pessoa.

A visita terá lugar no dia 24 de Maio, iniciando-se pelas 14h30 e terminando 19.00h, sendo guiada por Luis de Matos (ver: universatil.wordpress.com).

As inscrições são limitadas e devem estar concluídas até dois dias antes da visita por imposições logísticas do próprio Palácio.

A visita tem um custo de 10€ por pessoa + entrada no monumento* (ver preços de admissão ao monumento em: parquesdesintra.pt)

Inscrições prévias: ihshi@mail.com

* para alunos do Curso Livre Templários e Templarismo da Universidade Lusófona, bem como membros da OSMTHU a visita é gratuita e apenas devem pagar a entrada no monumento, contudo DEVEM INSCREVER-SE de modo a garantir a participação.

Programa RTP 2 – Visita Guiada – Convento de Cristo

Posted on

tomar4

O claustro principal do convento de Cristo está referenciado na história da arte universal como um dos mais belos exemplares da arquitectura renascentista europeia. Mas este claustro é mais do que um tesouro da arte do renascimento, é a construção que enterra de vez a Idade Média em Portugal e o alinha com o novo humanismo europeu.

Convidado: João Paulo Martins, arquitecto
Visita Guiada é um programa de televisão e de rádio sobre os tesouros do património cultural português. Tesouros com reconhecido valor universal, peças que qualquer país ocidental se orgulharia de integrar no seu património, e pouco conhecidos dos portugueses.

De um cálice de prata com decoração moçárabe e mil anos de idade a um claustro que está referenciado como obra-prima do renascentismo europeu, passando por uma colecção de arte africana classificada como uma das melhores do mundo, a natureza dos objetos, o seu contexto geográfico e o seu tempo histórico variam de episódio para episódio.
Conhecer o Património Cultural português