Day: October 15, 2019

VN Barquinha celebrates protocol with Templar order that will make CITA the “world’s most important repository on the Order of the Temple”

Posted on Updated on

The Vila Nova da Barquinha Municipality has entered into a protocol with two branches of the Templar Order – the Ordo Supremus Militaris Templi Hierosolimitani Universalis (OSMTHU) and the Ordre Sovereign et Militaiire du Temple de Jerusalem (OSMTJ) – to declare the municipality and the Interpretation Center Almourol Templar (CITA) as an International Place of Templar Cultural Interest.

The proposal for the protocol came to the Municipal Chamber meeting on October 9 and deserved a positive opinion from the executive.

Councilor Marina Honório explains that the initiative results from the association of OSMTHU and OSMTJ who also wants Vila Nova da Barquinha to host “an annual event of the International Congress type and the recommendation that bibliographic collections and objects could be sent to the Center and enrich the CITA as an unavoidable international reference on the Order of the Temple and its cultural influences across the ages.”

As a starting point for this collaboration, Fernando Freire explained that both branches of the Order have already approved several initiatives aimed at encouraging collectors, archives and library owners to make donations and to make CITA by 2021 the “most important, complete and extensive”. repository and bibliographic collection on the Order of the Temple ”.

On the OSMTHU side, one of the initiatives is the negotiation of the passage of the Temple Archive, consisting of multiple original documentation concerning the International Chancellery and the International Federative Alliance Secretariat since 1988, as well as various objects and archives, on loan to the locality of Soria, Spain since 2007, for CITA in Vila Nova da Barquinha.

Another initiative to be taken by OSMTHU is to designate CITA as the “custodial institution to be handed over the update of the Order’s Archives, composed of the official documentation produced by the International Chancellery annually” as well as the “addition of historical documentary collections. bibliographic and objects of archaeological, academic or museological interest that can be donated ”.

The OSMTHU will also offer a forged replica, according to traditional rules, of the sword of the crusader Godofredo Bulhões, symbol of the historical context that gave rise to the Order of the Temple.

The OSMTJ will contribute with the deposit of a thematic bibliographic collection as well as an extensive documentary archive about the activity of the Order in the last half of the twentieth century.

In addition to the initiatives in terms of Archive and Library, the protocol also provides for cultural exchanges, through the loan and exhibition of specific pieces.

Finally, this collaboration also aims to hold an International Conference. An “annual international event taking place in 2020, 2021 and 2022”, as explained by the mayor of VN Barquinha, Fernando Freire.

The venue for the annual event will be CITA, whose organization, programming and promotion will be the responsibility of the two orders involved in the protocol.

It is recalled that the Templar Interpretation Center of Almourol was opened to the public in November 2018 and is a pioneer center for the Order of the Temple in Portugal, endowed with a relevant set of features including an exhibition space, auditorium and thematic library.

By Ana Rita Cristóvão, antenalivre.pt

VN Barquinha celebra protocolo com ordens templárias que vai tornar CITA no “mais importante repositório mundial sobre a Ordem do Templo”

Posted on Updated on

O Município de Vila Nova da Barquinha celebrou um protocolo com duas ordens templárias – a Ordo Supremus Militaris Templi Hierosolimitani Universalis (OSMTHU) e a Ordre Sovereign et Militaiire du Temple de Jerusalem (OSMTJ) – a fim de declarar o município e o Centro de Interpretação Templário de Almourol (CITA) como Lugar Internacional de Interesse Cultural Templário.

A proposta de celebração de protocolo veio a reunião de Câmara no dia 9 de outubro e mereceu parecer positivo do executivo.

A vereadora Marina Honório explica que a iniciativa resulta da associação da OSMTHU e da OSMTJ e pretende também que Vila Nova da Barquinha seja sede de “um evento anual do tipo Congresso Internacional e recomendação de destino de acervos bibliográficos e objetos que possam enriquecer o CITA como referência internacional incontornável sobre a Ordem do Templo e suas influências culturais em todas as épocas”.

Como sinal de arranque desta colaboração, Fernando Freire explicou que ambos os ramos da Ordem aprovaram já diversas iniciativas que têm como objetivo encorajar colecionadores, arquivos e donos de bibliotecas a fazer doações e a tornar o CITA até 2021 no “mais importante, completo e extensivo repositório e acervo bibliográfico mundial sobre a Ordem do Templo”.

Da parte da OSMTHU, uma das iniciativas passa pela negociação da passagem do Arquivo do Templo, constituída por múltipla documentação original relativa à Chancelaria Internacional e ao Secretariado da Aliança Federativa Internacional desde 1988, bem como objetos e arquivo diverso, sob empréstimo à localidade de Sória, Espanha desde 2007, para o CITA em Vila Nova da Barquinha.

Outra das iniciativas a ser tomada pela OSMTHU é designar o CITA como a “instituição à guarda do qual será entregue a atualização do Arquivo da Ordem, composto pela documentação oficial produzida pela Chancelaria Internacional anualmente” bem como da “adição de peças documentais históricas, acervos bibliográficos e objetos de interesse arqueológico, académico ou museológicos que a esta possam ser doados”.

A OSMTHU vai também [convidar a Grão Priorado de Toledo da OSMTH a] oferecer uma réplica forjada, segundo as regras tradicionais, da espada do cruzado Godofredo Bulhões, símbolo do contexto histórico que proporcionou o surgimento da Ordem do Templo.

Já a OSMTJ contribuirá com o depósito de uma coleção bibliográfica temática de relevo bem como um extenso arquivo documental sobre a atividade da Ordem na última metade do século XX.

Para além das iniciativas em termos de Arquivo e Biblioteca, o protocolo prevê também trocas culturais, através do empréstimo e exposição de peças específicas.

Por fim, esta colaboração pretende também a realização de uma Conferência Internacional. Um “evento anual de âmbito internacional a decorrer em 2020, 2021 e 2022”, conforme explicou o presidente da Câmara de VN Barquinha, Fernando Freire.

O local escolhido para o evento anual será o CITA, cuja organização, programação e promoção será responsabilidade das duas ordens envolvidas no protocolo.

Recorde-se que o Centro de Interpretação Templário de Almourol foi aberto ao público em novembro de 2018 e é um centro pioneiro no que respeita à Ordem do Templo em Portugal, dotado de um conjunto relevante de recursos que incluem um espaço para exposições, auditório e biblioteca temática.

Por Ana Rita Cristóvão, antenalivre.pt